terça-feira, 6 de julho de 2010

Em outra estação


Estive em outro lugar,

Diferente daqui.


Roupas eram apenas roupas

Rostos eram apenas rostos

Bonito ou feio eram falácias ao invés de adjetivos.


E ninguém tinha nada

E todos tinham tudo

Somos miseráveis aqui.


Os recônditos eram salões

A lua era o sol

A alegria eram as pessoas

E as estrelas, bem as estrelas merecem uma estrofe à parte.


Brilhavam e cintilavam

E piscavam e luziam e me olhavam

Tantas que me cegaram,

Entendi o significado de tapete de estrelas.


A felicidade era lei.

Por que voltei?

Ótima pergunta...

6 comentários:

  1. Cara eu amo essa banda e essa música é incrivel!
    Tenho uma interpratação totalmente particular desta letra!
    Depois eu lhe conto!

    Já ouviu Seguindo Estrelas?

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. PS: Eu comentei sobre o clipe...
    Hehheheehe

    ResponderExcluir
  3. Você citou um mundo contrário do que vivemos. Quem dera fosse assim!
    As vezes voltamos por saudade, ou por obrigação...
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. ...embora miseráveis aqui,
    quem sabe do lado de lá teremos
    a recompensa?

    bj, querido lindo!

    ResponderExcluir
  5. Somos todos uns desconhecidos e indiferentes que ainda estão aprendendo o que é viver!

    PS: Andei escutando essa música por esses dias... rs *-*

    Srtª Bêêh

    ResponderExcluir
  6. Gentil Matheus...

    Percebe-se que voltara com uma nítida missão:
    Deixar saber as pessoas que te rodeiam as novas leis que aprendestes. Transmitir a felicidade que recebera na outra morada.
    Passar adiante o que transpassaram em ti!

    Um grande abraço, irmão!

    ResponderExcluir